O casamento da Bia

No último final de semana tive a oportunidade de estar em dois casamentos. Os dois maravilhosos dentro de suas histórias e propostas. Um imponente, glamouroso, no Castelo de Itaipava, em Petrópolis, e outro bucólico e romântico ao extremo, em Santa Teresa, no Rio. Ao longo da semana, vou mostrar fotos dos detalhes dos dois, mas hoje quero falar apenas de um: o da Bia – que temos acompanhado aqui no blog, alguns de seus passos na realização desse sonho.

Ela, que é minha amiga querida e parceira do blog, teve o casamento mais lindo e emocionante que já pude presenciar. Uma pessoa simples, com uma alma incrível e alegria contagiante, colocou corajosamente todo seu lado romântico para fora em cada detalhe da cerimônia e da decoração.

Bia e Thiago se conheceram dia 17 de maio de 2008 e no mesmo dia de 2014, subiram ao altar com a certeza de que a promessa de Deus, no que diz respeito a formar uma família, se cumpriria em suas vidas. 

O lugar escolhido, como vocês sabem, foi uma casa (de festas) em Santa Teresa. Eu, que só tinha visto por fotos, quando cheguei, tive a certeza que seria perfeito. E foi. O arco de flores do altar, os bancos de madeira, a vista da Cidade Maravilhosa e da imagem que representa literalmente o Cristo Redentor e o entardecer… Sim, o entardecer leve e lindo de outono. 
Os padrinhos e o noivo entraram em um clima de romance animado. Mas a noiva, que mal conseguia segurar as lágrimas e com um sorriso indescritível, entrou ao som da música Amor de Índio, cantada e tocada pelo violão de seu futuro marido – que ao vê-la – quase não conseguiu segurar a emoção. Na verdade, quase ninguém segurou.

A mensagem da cerimônia foi levada pelo pai do Thiago, que é pastor, e pelo pastor que lidera a igreja dos noivos. Mas foi na hora dos votos que repensei o quanto o amor e o romantismo podem ir muito além da simples expressão do piegas. É um ato corajoso expressar seus sentimentos mais profundos e prometer o que mudará sua vida para sempre na frente das testemunhas mais amadas. Bia e Thiago não tiveram medo. Com um texto cuidadosamente escrito e com a delicadeza de usar as palavras mais bonitas, declaram seu amor de uma forma emocionante. Foi incrivelmente lindo.
A decoração em tons pastéis e os móveis de madeira deixaram tudo mais aconchegante. Sob cada mesa, havia um pequeno quadro com uma poesia de autores consagrados do romantismo. Em outro ambiente, funcionava uma pista de dança, que animou os convidados de todas as idades.

É claro que Bia estava linda. Mas nem o penteado, a maquiagem ou o vestido foram capazes de chamar mais atenção que brilho nos olhos e seu riso fácil e sincero. A alegria de uma noiva – agora esposa – que foi encontrada por quem sempre sonhou. Que disse o tão esperado sim, e que vai continuar a escrever uma verdadeira história de amor e, por isso, muito mais interessante que qualquer conhecido romance da Disney.

E, no final, quando achei que tinha presenciado tudo que era possível no mundo de  romance com e sem clichês, ao sair, recebi um livro (um livro!!!) escrito pelo casal, contando a história dos dois durante esses 6 anos. Lindo, né?
Desejo toda a felicidade possível e sobrenatural a esses dois, que conheço desde quando a Bia disse que estava naquela duvidazinha se namorava ou não, rs. 
Viu, Bia? Deu certo! Parabéns, querida!
PS: Catei as fotos no Instagram e no Facebook do convidados lindos <3